Os melhores ensaios sensuais do Brasil...

Sexonambulismo – o que é?

De acordo com o neurologista Shigueo Yonekura (do Instituto de Medicina e Sono de Campinas e Piracicaba), sexonambulismo é um tipo de distúrbio do sono que faz com que a pessoa se masturbe ou faça sexo enquanto está dormindo. O grande problema, é que ela não se lembrará do ato sexual.

Como acontece?

Geralmente, a pessoa com sexonambulismo descobre o transtorno através do(a) parceiro(a) sexual. Outro relato é que essa experiência pode resultar em “sexo agressivo”.

 Segundo Shigueo Yonekura, o transtorno pode aflorar em pessoas com histórico de terror noturno ou sonambulismo na infância ou adolescência e não tem origens definidas. O problema ainda pode ocorrer simultaneamente com outros distúrbios do sono, como a apneia. Já pensou?!

Como isso pode atrapalhar a vida da pessoa?

O transtorno pode resultar em vários problemas, principalmente em âmbito social, familiar e conjugal, já que o ato sexual dessa origem envolve agressividade. O resultado pode dramático e até mesmo trágico, já que a pessoa não irá se lembrar do que fez e não tem controle algum sobre seus atos durante a experiência.

Esse transtorno é perigoso

O maior problema do sexonambulismo, é a pessoa não saber o que está fazendo. Além do risco de contrair doenças sexualmente transmissíveis, ela ainda corre sérios risco de transar com alguém desconhecido, ou até mesmo alguém que ela jamais se imaginaria tendo relações sexuais. Além disso, como citado acima, o sexo pode ser agressivo, resultando até mesmo em crimes. Quais? Transar com um menor de idade por exemplo…

O que fazer?

Infelizmente, sexonambulismo não tem cura, mas pode ser tratado e se adquirir controle sobre o distúrbio. Médicos e especialistas garantem que esse processo de controle pode ser conseguido em até 3 meses de tratamento intensivo.